segunda-feira, 7 de setembro de 2009

Chris - Claire Harvey

De entre um certo número de coisas que não gosto, há uma que me deixa com uma certa melancolia: sentir os dias cada vez mais pequenos, que a noite caí cada vez mais depressa e que o sol inscreve o seu movimento de rotação semi-circular cada vez mais baixo no céu.
Os dias vão ficando mais frescos. O Verão anuncia a sua saída.
De todas estas coisas, há apenas uma boa: a luz da manhã que me entra pelas janelas dentro, e se estende, languidamente, ao longo do dia, no chão, num rasto perpétuo de luz e calor, projectando sombras sinuosas pela casa adentro, avivando cores, aquecendo o ar, preparando-o para a chegada do senhor que se segue.
Lembra-me que devemos tirar o máximo proveito dos dias, que devemos procurar o melhor que cada um deles tem para nos oferecer, para ser descoberto, que há uma rara beleza escondida em todas as estações.

3 comentários:

clic disse...

Pronto, já estou deprimida!... :(

Pano pRa Mangas disse...

Concordo inteiramente contigo. Sinto-o exactamente dessa forma.

GRAFIS disse...

clic
aí por esses lados parece não faltar o sol :)

Pano pRa Mangas
E aqui pela zona Oeste o Verão tem sido uma miséria...